WhatsApp do Vestiprovas
Compartilhar

Responder Questão:

Goiás UEG 2009.1 1ª Fase Questão: 10 Português Morfologia Conjunção 

PEGO EM FLAGRANTE
Certos alimentos parecem inocentes, mas têm uma ficha criminal capaz de assassinar sua dieta – ou mesmo sua saúde
Alguns alimentos saudáveis não são o que parecem. Não dá para se contentar com as aparências: é preciso investigar fundo para descobrir os riscos. Muitos desses alimentos dotados de obscuras intenções criminosas estão muito bem camuflados sob a roupagem de comida saudável. Entretanto, transbordam calorias, sódio ou gorduras saturadas. “Daí, o risco é consumi-los em excesso”, alerta a nutricionista Mariana Del Bosco Rodrigues, da Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade e da Síndrome Metabólica (ABESO).
Um desses vilões é o vinho. Uma taça dessa bebida por dia pode afastá-lo dos problemas cardíacos, mas a segunda anula o benefício. Após uma taça os vasos sangüíneos ficam mais relaxados, o que reduz a força que o coração tem de fazer para bombear o sangue. Mas depois de dois drinques, o sistema nervoso simpático entra em ação e anula o efeito relaxante dos vasos. E um vinho de má qualidade pode esconder mais perigos. A bebida de procedência ruim recebe a adição de nitratos, que funcionam como conservantes. Além de alterar o sabor, são ligeiramente tóxicos e podem provocar dor de cabeça, bem como neutralizar os efeitos benéficos da uva. Os especialistas sugerem que se escolham vinhos de boa qualidade e moderação no consumo.
Outro alimento sob suspeita é o chocolate, pois contém muita gordura saturada, prejudicial à saúde por se acumular nas paredes das artérias. “Embora sejam comprovados os benefícios do chocolate na prevenção das doenças cardiovasculares, o consumo deve ser em pequenas quantidades”, afirma Daniel Magnoni, cardiologista e nutrólogo do Hospital do Coração, de São Paulo. “Os mais perigosos são o chocolate ao leite e o branco”, diz a nutricionista Vandeli Marchiori. Assim, a recomendação é o chocolate amargo, que tem maior teor de flavonóides, substâncias presentes na semente do cacau que agem como protetores cardiovasculares.

LUCÍRIO, Ivonete. Pego em flagrante. In: Men’s health. n. 24, abr 2008. p. 54-55. (Adaptado).

 

As expressões “entretanto” (primeiro parágrafo) e “embora” (terceiro parágrafo) podem ser substituídas, sem prejuízo de sentido, por:



TEMPO NA QUESTÃO

Relógio00:00:00

Gráfico de barras Meu Desempenho

Português Morfologia

Total de Questões: ?

Respondidas: ? (0,00%)

Certas: ? (0,00%)

Erradas: ? (0,00%)

Somente usuários cadastrados!

Postar dúvida ou solução ...